Ainda não há comentários

Vencendo a Tentação

“12  Bem-aventurado o homem que suporta, com perseverança, a provação; porque, depois de ter sido aprovado, receberá a coroa da vida, a qual o Senhor prometeu aos que o amam. 13 ¶ Ninguém, ao ser tentado, diga: Sou tentado por Deus; porque Deus não pode ser tentado pelo mal e ele mesmo a ninguém tenta. 14  Ao contrário, cada um é tentado pela sua própria cobiça, quando esta o atrai e seduz. 15  Então, a cobiça, depois de haver concebido, dá à luz o pecado; e o pecado, uma vez consumado, gera a morte. 16  Não vos enganeis, meus amados irmãos.”
(Tiago 1:12-16 RA)

“16  Porém este não multiplicará para si cavalos, nem fará voltar o povo ao Egito, para multiplicar cavalos; pois o SENHOR vos disse: Nunca mais voltareis por este caminho. 17  Tampouco para si multiplicará mulheres, para que o seu coração se não desvie; nem multiplicará muito para si prata ou ouro.”
(Deuteronômio 17:16-17 RA)

 

Deus deseja que vivamos um alto nível de vida com Ele. Os vencedores são os que antes de vencer fora, vencem dentro de si mesmos. A tentação mais perigosa é aquela que achamos que não vamos cair nela. Todo pecado é precedido pela tentação, mas quem confessa tentação não confessa pecado.

1. Como o discipulado um a um pode nos ajudar na luta contra o pecado, ou seja, a vencer as tentações?

2. Você já tem um discipulador? Se não, por que?


Cobiça é um desejo forte. Tiago ensina que somos tentados pela nossa própria cobiça. Então todos nós temos uma cobiça interior. Portanto, tentação é o resultado de um estímulo externo em nossa cobiça interior. Em Dt 17:16-17 encontramos três delas: cavalos egípcios (fama e poder), mulheres (sexo oposto), ouro e prata (riquezas). Apesar de existirem outras cobiças, esta três são as que mais derrubam as pessoas.

3. Vamos comentar um pouco sobre estas áreas de cobiça e incluir alguma outra que nos lembramos?

4. Qual é a área de sua vida (cobiça interior), que mais te convida a pecar?

Vamos orar uns pelos outros pelos outros para conseguirmos ou mantermos a vitória sobre as tentações citadas?

Vamos dizer juntos e sempre nos lembrar

“Não vos sobreveio tentação que não fosse humana; mas Deus é fiel e não permitirá que sejais tentados além das vossas forças; pelo contrário, juntamente com a tentação, vos proverá livramento, de sorte que a possais suportar.” (1 Coríntios 10:13 RA)

Sendo tentado, não ceda; ceder é pecar.

 

Pr. Paulo

Publicar um comentário