Ainda não há comentários

A figueira estéril

Então, Jesus proferiu a seguinte parábola: Certo homem tinha uma figueira plantada na sua vinha e, vindo procurar fruto nela, não achou.Pelo que disse ao viticultor: Há três anos venho procurar fruto nesta figueira e não acho; podes cortá-la; para que está ela ainda ocupando inutilmente a terra?  Ele, porém, respondeu: Senhor, deixa-a ainda este ano, até que eu escave ao redor dela e lhe ponha estrume.  Se vier a dar fruto, bem está; se não, mandarás cortá-la.
(Lc 13:6-9 RA)

Você já teve a sensação de colher frutos em árvores? Pois é, Jesus contou uma parábola sobre isto, aplicando-a para nossa vida sobre termos frutos ou não. Dependendo do desejo e fome, podemos ficar frustrados se não encontramos nada. Nesta parábola que interpreto o Senhor como Deus pai, Ele procurou fruto na figueira e não achou e pediu que a cortasse.

1. Qual o fruto que você mais aprecia? Tem algum que você detesta?

Nós precisamos produzir frutos bons, saudáveis. Frutos de justiça, amor, paz, bondade, mensagem da cruz, frutos dignos de arrependimento, ou seja, de mudança, atitudes novas, etc. Nunca devemos produzir frutos ruins, tais como: ódio, inveja, corrupção, mentiras, omissão, impureza, etc. Os frutos se manifestam através de nosso corpo.

2. Quais frutos são necessários hoje em dia no mundo?

3. O que fazer para termos estes que citamos em abundância?

Cavar e estercar. O que representa? É deixar Jesus por a mão em áreas de nossa vida que não temos frutos. Jesus não quer passar o machado na raiz da árvore. Ele espera que os frutos venham e que os frutos apareçam. É preciso adubo. O que é adubo no contexto espiritual? TSD, leitura da palavra, buscar ao Senhor, momentos de adoração com a marcante presença de Deus, etc. Figuradamente somos como árvores. Que áreas precisam que Jesus escave e esterque? Precisamos de uma vitamina espiritual? Vamos pensar nisto?

4. Vamos citar cada um de nós uma área de nossa vida hoje que queremos abundância de Deus, frutos mais fortes, para a glória de Deus. Vamos interceder uns pelos outros e clamar para que nossa célula seja uma célula cheia de frutos. AMÉM?

 

Pr. Wagner

Publicar um comentário